Busca Avançada
Mais opções de busca
Nós achamos 0 resultados Ver resultados
Busca Avançada
Mais opções de busca
nós achamos 0 resultados
Seus resultados de pesquisa

Saiba o que mudou nos juros dos financiamentos dos bancos

Postado por Construtora Vital em 27 de novembro de 2020
| 0

Com a chegada da pandemia, muitas taxas sofreram modificações nos bancos. Essas modificações trouxeram muitos benefícios para quem procura um financiamento. Saiba o que mudou nos juros dos financiamentos dos bancos.

Ficar atento ao  comportamento da taxa básica de juros Selic, é um importante começo para garantir uma compra segura de um imóvel. Como a taxa Selic caiu para 5,5% ao ano em sua última atualização, alguns bancos reduziram também suas taxas de juros de suas linhas de crédito imobiliário.

O que é taxa Selic?

Selic significa Sistema Especial de Liquidação e Custódia. A taxa gerada a partir desse sistema é chamada de taxa Selic. Ela reflete os empréstimos de curto prazo negociados entre bancos no mercado de títulos do governo.

Essas instituições fornecem esses empréstimos para levantar fundos para suas operações. A negociação produz uma taxa de câmbio média diária, que é então convertida em uma porcentagem anual (%), que é publicada diariamente pelo banco central.

Assim como os bancos negociam entre si para levantar fundos, eles também negociam com as pessoas por meio de vários investimentos. Para definir a rentabilidade dessas aplicações, eles usam o Selic como referência.

Atual situação dos juros dos financiamentos dos bancos

A situação atual é ótima para quem procura juros baixos. Especialistas apontam que a taxa Selic voltará a cair nos próximos meses. Atualmente, Itaú e Bradesco são os bancos que anunciaram as taxas de juros mais competitivas do mercado imobiliário.

Confira a atual situação das taxas de juros em cada banco e escolha a que melhor atende à sua procura:

  • Banco do Brasil:

Taxas a partir de 7,4% ao ano mais TR para imóveis residenciais, nas modalidades SFH (Sistema Financeiro Habitacional) e CH (Carteira Hipotecária). O Banco Do Brasil está finandiando até 80% do valor de avaliação do imóvel com parcelamento de até 35 anos!

  • Bradesco:

Taxa mínima de 7,3% ao ano mais TR nas modalidades SFH e CH para imóveis residenciais com valor máximo de R$ 1,5 milhão. O prazo de financiamento é de até 30 anos e permite a utilização do FGTS, além de financiar 80% do valordo imóvel.

  • Caixa Econômica Federal:

Taxa mínima para imóveis residenciais de 7,5% ao ano mais TR, para os financiamentos com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) dentro das modalidades SFH e SFI (Sistema de Financiamento Imobiliário), parcelamento de até 35 anos, além além de uma linha de crédito para casa própria com juros de até 4,95% ao ano podendo ser parcelado em até 30 anos.

  • Itaú:

Taxa mínima de 7,45% ao ano mais TR, variando de acordo com o perfil do cliente e de seu histórico com o banco. Os valores são iguais para as linhas de SFH, SFI e CH. O cliente pode financiar até 82% do valor do imóvel e parcelar em até 30 anos.

Essa pode ser sua oportunidade

É muito importante lembrar que essas são as taxas bases e que podem variar de acordo com o plano contratado pelo cliente. Os requisitos solicitados por cada banco também são individuais e devem ser consultados diretamente.

Fique sempre atento às mudanças das taxas de juros e entenda qual o melhor momento para investir em um imóvel sem pagar muitos juros optando por um financiamento.

É nítido que esse é o momento ideal para investir em imóveis e garantir uma compra com juros mais baixos, condições de pagamentos nunca vistos e financiamentos inovadores criados pelos principais bancos.

E for investir, nos procure!

Vital Construtora

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

  • Nossas Listas

  • Busca Avançada

    Mais opções de busca

Comparar Listagens